top of page
Buscar
  • Foto do escritorSimone Komatsu

Sons

Oláaaaaa! Tudo bem?

Tô numa vibe suave, bem de boa que há um tempinho não sentia.

Se pudesse traduzir a vibe em som.... bom... deixa eu tentar... xiii só invento... acho que não sei traduzir hahahaahahhaah

Pera! Calma!

Concentração....

Oooommmmmm oooommmmm...

Tá... bom... eu diria que não existe tradução hhahhahahha

Porque o som é igual sentimento, a gente sente então acho que depende muito de como a gente sente mais do que "tradução".

Na minha ideia aqui, o som é algo que reverbera nas nossas células, dá aquele arrepio no corpo, os pêlos dos braços ficam ouriçados...




Eeeita... pára tudo! Não! Isso não tá virando conto erótico! ahahahha Mas se a gente parar pra pensar, até o que é erótico parte pro lado do sentir também. Porque por mais erótico que seja, se não tem aquele arrepio subindo pela espinha, é dar as costas e tchau! Masssss se a música for boooooa.. uuhuuu, deixa fluir e só seeente! 😁


Mas voltando pro som e pras células do nosso corpo... as células tem vida, você sabia? Elas tem memória também! Algumas podem estar adormecidas, mas aí toca aquela música que é a vibe delas, aí elas acordam e a gente sente tudo isso aí que escrevi acima!

Algumas com memórias muito boas, outras nem tanto assim, e que podem causar um arrepiozinho diferente mas que te trouxe um sentimento e uma emoção, que quisera ser recordada ou não. Mas isso faz parte da vida. Sem essas memórias, somos apenas um corpo que pode ser usado pra qualquer coisa, por qualquer um (E POR QUÊ NÃO, POR QUALQUER COISA QUE FAÇA SENTIDO PRA VOCÊ?).

Aí a gente meio que se depara aqui com a alma, a que nos habita. Cada alma tem uma casa e a casa é o próprio corpo.

Se eu não cuidar da minha casa, quem vai cuidar? Uma casa bem cuidada e arrumada, não dá brecha pra escuridão e doenças!

Pensando aqui.... que som eu daria pra minha alma? Se eu liguei o som com células e corpo... e se no meu corpo mora a MINHA alma.... que som eu dou pra ela?

Não sou uma pessoa eclética. Confesso que oooodeeeeeeeeioooooooo certos estilos musicais, tanto que nem fico no local quando é um som de que eu não gosto (meu... acho que eu fujo com a minha alma ahaha). Se eu tiver que ficar, eu penso em outra coisa, escrevo algo no blog, finjo demência... sei lá.. ahahahhaha e consigo desviar o som da minha orelha.


Whooops, voltaaandooo... então.... o som que reverbera na minha alma e deixa minhas células alertas (de vibe boa), é o som instrumental que não é necessariamente música clássica (mas que eu tô aprendendo a apreciar mais).... um instrumental de alguma música de que eu goste de ouvir (e de cantar no carro com os vidros bem fechados pra ninguém ouvir!) e que toca no centro do coração ou, talvez bem no chacra cardíaco, cutucando pra deixar sair o que normalmente fica escondido. Algo que sacode o timo que é um órgão que fica bem pertinho do coração e que abriga a nossa alma e leva a fama de carregar a felicidade, com o poder de soltar tensões e sentimentos reprimidos, além das funções medicinais de produzir céluulas de memória que vão defender nosso organismo!

Convenhamos... a gente esconde o que sente de uma forma descomunal, mas que ficou comum seja por defesa, seja por orgulho, por vergonha... Pobre timo! O meu deve tá fazendo hora extra.

Seja o motivo que for, acredito que o som faz com que a gente liberte aos poucos o que fica escondido a 7 (milhões ) de chaves. Cada um de nós sabe, láaaaaa dentro do nosso ser, o que nos aflige e o que a gente acha que é melhor deixar ali escondido mesmo, porque assim não dói, né? Ou dói menos...

Só que entre achar e enfrentar... cheguei a conclusão de que é melhor encarar de frente e dar o cara a tapa! Uma dor a menos e assim a gente vai se curando e a nossa casa vai ficando cada vez mais limpa. Mas olha... te contá que é fácil, não? Pelo menos pra mim não é...


Existem frequências de som que ajudam a gente a ficar mais equilibrado/a. Já ouviu falar disso? Mas cada frequência age em um ponto diferente da gente.


O som da alma ressoa ao coração um sentimento e uma emoção. A estes, o corpo recebe cada nota como um motivador para o dia brilhar ainda mais, mesmo com possíveis obstáculos e inconveniências.

Obstáculos são necessários para a percepção do nosso ser que é único e intransferível!

Ouça o bater do seu coração ritmadamente, a ânsia da sua alma em te levar ao alto, sem medo ou receio para que cada vez mais, as dificuldades que você acha que te perseguem, se tornem pequenas o bastante para que você se note grande, transformador, envolvente, melódico e harmonioso. Assim como é o som da música.


E aí? Sua alma tem som? Qual é o som da sua casa? Qual é a música da sua vida?


Beijinhos

Posts recentes

Ver tudo

2 comentarios


carol carollina
carol carollina
07 jun 2023

Essa semana eu estava justamente estudando sobre frequências vibracionais, é incrível como o som tem esse "poder", de nós configurar, reconfigurar ou desconfigurar.

Me gusta
Simone Komatsu
Simone Komatsu
07 jun 2023
Contestando a

É fantástico, né?? Música é vida!!

Me gusta
bottom of page