top of page
Buscar
  • Foto do escritorSimone Komatsu

Vícios

E aí??

Tudo bem?

Eu tô bem... bem com uns pensamentos pra variar... ehheheh

A gente sabe que a palavra vício näo remete a coisas boas, né? Nem se for vício por salada, afinal tudo que é demais se torna um exagero.

E já que eu falei em vício por algo de comer, existe também o vício por bebida. Pra não entrar no assunto etilista/alcoólico, vou falar sobre o vício por coca cola.

Confessionário em ação agora hein... eu confesso que era viciada em coca cola quando eu era aborrescente. Eu usava aparelho nos dentes e aí pra "matar a minha fome" eu inventava que coca cola tirava minha fome e aí eu não precisava comer e também porque os dentes doíam por causa do aparelho.

E foi desse jeito por uns 2 anos que foi o tempo que eu usei aparelho nas arcadas superior e inferior.

Na época, eu pensava que tava tudo bem ( AHAM) até que um dia... eu bati a minha coxa no canto da carteira da escola. Mas aquela batida doeu tanto, mas tanto, mas tanto... sooocoorro!!

E eu me perguntava por quê!?! Afinal, não tinha sido uma batida tão violenta. E foi assim que eu descobri que eu estava toda inflamada! Cheeeeeeia de celulite! Nas pernas, nos braços, na barriga e até no pescoço!!!! Tenso, né? Bem casca de laranja!!


E o desespero bateu ali de tal maneira que me liguei que eu precisava mudar minha alimentação. Eu tinha que fazer REGIME!

Regime da Lua, do arroz, da USP tudo quanto é regime eu tentei. Até que uma professora do colégio me falou que frequentava os Vigilantes do Peso. E eu passei a frequentar as reuniões semanais até atingir a meta.

Eu acho que já contei a minha história com os Vigilantes do Peso.

Bom... fato é que o vício da coca cola eu consegui me livrar porém, me viciei em perder peso e, nas minhas ideias, eu tinha que retirar da minha vida tudo aquilo que era engordativo. Na época, a vilã era a gordura logo, eu tirei tooooodo o tipo de gordura da minha alimentação, inclusive o azeite que é uma fonte maravilhosa de gordura boa e benéfica pra gente. E é claro que deu ruim! Muito ruim!

Os vícios nos levam a fazer coisas inimagináveis sem pensar nas consequências. Eu tinha certa orientação mas eu não queria ouvir afinal beber um monte de coca cola era mais legal!

E penso eu que, em relacionamentos entre duas pessoas, quando o "amor" é tóxico existindo uma necessidade de depender do outro, eu enxergo isso como um tipo de vício também.

Sabe aquela sensação de ter a outra pessoa obcecada por você? Respirando tudo que você diz e faz. Que diz que a vida sem você é nada? Ou o contrário, sabe? Você ser a parte tóxica e obcecada em um relacionamento. Isso não é um julgamento, hein? Pelamor!

Sinceramente.. eu tenho medo disso. Porque eu não quero que ninguém dependa de mim, assim como eu não quero depender de ninguém quando ao assunto é amor. E eu não quero me descobrir obcecada inventando até estorinha porque eu tenho raiva de quem não quer ficar comigo... credo! Creeeeedo!! Tenha asco disso!


Eu tava assistindo um episódio de uma série americana e a cena era de um casal que fugiu pra se casar na capelinha do hospital. Sim! Eles estavam internados.... na ala psiquiátrica!! O homem disse para a mulher que antes de conhecê-la, ele não tinha vida e que ela completou o coração dele.

Pensei na hora: oras... mas a gente nasce com tudo completinho, tudo bonitinho pra gente colocar a nossa personalidade na ativa e viver a vida... o que, talvez a gente precise é uma outra pessoa para agregar e fazer parte de uma vida e de um amor que você já tem e sente por você mesmo.


"Tá bom sua sabichona! Se fosse assim tãaaaao fácil... ora, ora, ora".


Tá! Ok! Confissão número dois! Houve uma época que a minha autoestima era no bico do corvo! Mais pra baixo do que a sola do chinelo. Era ruim a beça! Mas nem por isso eu pensava que teria que depender de outro pra sentir a vida. E do jeito que era, se tivesse encontrado alguém, o alguém ia me deixar porque a vida era muitíssimo sem graça, era um fardo pesado demais ter que abrir os olhos todas as manhãs. Massssss era o que tinha praqueles dias!!

E fico muito grata que os dias de vício por escuridão e extrema baixa autoestima tenham saído da minha vida. Nâo vou mentir dizendo que agora é tudo florido e iluminado, mas estes momentos tem sido muuuuito mais frequentes atualmente. Ufa! É um alívio, sabe?

Existem coisas que nos dão um prazer danado, né? Aí eu te pergunto: tem necessidade de virar vício?

Sexo demais, ninfomaníaco.

Beber bebida alcoólica demais, alcoólico.

Comer demais sem conseguir parar, guloso (hummm a gula é pecado, mas a gente pode dizer que é um vício? heheh) ou comilão? rsrs

Comer chocolate demais, chocólatra.

Trabalhar demais, workaholic.

Até dormir demais é prejudicial! Por mais que você goste de dormir, se for demais, é ruim!

Sem contar os vícios em drogas, jogos de azar, etc...


Vou colocar aqui o significado de vício. Eu acho que sou viciada em definições hehehhh ahhh ironia do destino.


significado de vício

substantivo masculino

Dependência física ou psicológica que faz alguém buscar o consumo excessivo de algo, de uma substância, geralmente alcoólica ou entorpecente: vício de fumar.

Costume de fazer sempre a mesma coisa.

Incorreção observada em algo ou alguém; defeito: vício de formação.

Toda alteração que prejudica o funcionamento de alguma coisa.

Tendência para provocar o mal ou ter ações contrárias à moral; depravação.


Você tá pensativo/a se tem algum vício ou não? Botou reparo nas atitudes que você toma no seu dia a dia e identificou algo que possa ser comparado a um vício ou possa ser um vício?


Eu ando viciada em mandar memes hahahahahahaah ai gente... toda vez que eu penso em diminuir o envio de memes, eu encontro váaarios muito legais e acabo enviando!

Logo menos alguém vai me dizer pra eu parar e eu juro que já tô preparada pra ouvir e atender o pedido. Enquanto isso não acontece... lá vou eu com os memes ahahahahhaa.

Uma brincadeirinha só pra quebrar um pouco a seriedade do tema do texto.

E aproveitando pra pensar se eu tenho algum vício.... é... acho que só os memes mesmo.


Ah! Puuutz! Tenho sim!! Eu tenho um joguinho no meu celular que eu fico jogando e só paro quando eu me mato as várias vidas que eu tenho! E quando na última vida, eu consigo ganhar um bônus de 1 hora de vida infinita! Ahhhh eu fico pra morrer porque eu queria parar de jogar, mas me pergunta se eu paro??? Eu só paro se eu tiver que trabalhar ou quando meu cérebro grita: vai fazer algo de útil!!!!


Já pensei em desinstalar. Mas aí eu penso no meu tédio se eu tiver que ficar numa fila longa ou dentro do trem. Porque além de ouvir música no trem eu fico no joguinho também! Deveria ler um livro, né? Pois é... concordo em gênero, número e grau! E livros nunca são roubados ou furtados. Enquanto que os celulares... viiiiixe!!!


Poderiam se viciar pelo meu blog? ahahhahhhah

Brincaderinhaaaaaaaa!!


Beijoquinha!!!

43 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 Comment


andre macedo
andre macedo
Oct 25, 2023

Menina danada,estou viciando nos seus textos...

Passei a vida colecionando vicios,e talvez uma virtude que eu tenha tido foi sair de varios deles.

Pra mim vicio sempre foi uma refeição completa,junto do prato principal tinha os acompanhamentos.

O vicio das noitadas vinha acompanhado da bebida e do cigarro(este permanece).

Na infancia o vicio em jogar bola veio junto com o vicio de assistir partidas de qualquer tipo,em qualquer lugar.

Ao morar em Parati no primeiro casamento viciei em assistir o por do sol acompanhado da canabis.

No segundo casamento que veio acompanhado da paternidade chegou o vicio nos churrascos dominicais,que chegava ao exagero de prejudicar a privacidade .

Sempre gordinho,ao ver o peso começar a sair do controle veio o…


Like
bottom of page